A Hora da Verdade

A Hora da Verdade no blog do Herasmo Leite

11 de mar de 2017

Assalto em Pedrinhas dos Araújo está solucionado com a comprovação de Bola de Fogo na cena do crime como assaltante, e não vítima.


Rafael, um velho conhecido da Policia, morreu no local do
assalto, provavelmente pela vítima, que reagiu ao assalto

Na manhã de  ontem(sexta-feira 10), três pessoas tentaram roubar uma moto no povoado Pedrinhas dos Araújo, Município de Pinheiro. O assalto foi frustado por conta da reação de dois elementos,  que ao perceberem a ação dos assaltantes, atiram em direção a eles. Um dos assaltantes  de nome Rafael, conhecido por Rafaelzinho, morador do Bairro São Francisco, levou vários tiros e morreu no local. O elemento conhecido por Bola de Fogo, que é servidor contratada da Secretaria de Cultura e Turismo de Pinheiro e que reside na Vila Zé Genésio, levou um tiro na região do tórax. Ele passou por uma cirurgia no Hospital Antenor Abreu e foi liberado por volta das 17 hs.  O terceiro elemento de nome Agenor  consegui fugir pala mata, e foi preso mais tarde pela policia.
Confirmada a participação de
Bola de Fogo no assalto

Em conversa com amigos, ainda no hospital, Bola de Fogo disse que era apenas uma vítima dos assaltantes e que estaria vindo de Presidente Sarney quando aconteceu o assalto. Após a prisão de Agenor ficou comprovado que Bola de Fogo era um assaltante e não uma vítima.

Para esclarecer os fatos, o Major Fábio, do 10o Batalhão de Policia Militar de Pinheiro, postou
esclarecimentos em uma rede social. Veja a postagem do militar:

"Segundo o que foi levantado informalmente até agora,  estavam três (elementos) numa moto,  ele (Bola de Fogo),  o Rafaeelzinho e Agenor. Rafaelzinho foi atingido  e morreu ainda no local e o Agenor não  sabemos até  agora o paradeiro. (foi prezo mais tarde). Pelo fato de Rafaelzinho e Agenor serem conhecidos pela prática de assaltos,  estamos supondo que eles tentaram assaltar alguém, e a vítima do assalto reagiu".

"!Não o conhecíamos (Bola de Fogo) como assaltante , mas há  pouco tempo atrás ele foi preso com uma arma de fogo e disse na ocasião  que um outro elemento teria dado pra ele segurar , o que é  muito estranho e suspeito".                      
                     
"E agora ele estava em companhia de dois elementos que são  velhos conhecidos nossos pela prática de assaltos".                      
                   
"A polícia civil assumiu as investigações pois é  competência (dela) a partir de  agora                      
Agenor teria confirmada a participação
de Bola de Fogo no assalto

"Não  fui lá no local (do assalto) nem no hospital , mas o que a guarnição  de serviço  me repassou é que ele (Bola de Fogo) teria dito lá no hospital que pegou uma carona com os outros dois elementos e não  sabia que eles iriam assaltar, mas que eles tentaram assaltar uma pessoa que teria reagido".        
"Se ele disse mesmo isso está  em flagrante da tentativa de assalto , porque ele estava junto com os dois assaltantes".
                      
"Agora cabe ao delegado analisar o caso e decidir se faz o auto de prisão  ou se o   libera e instaura apenas um inquérito para apurar o fato".                      
"Esse é  o terceiro elemento envolvido na ocorrência em Pedrinhas , preso agora pelo GOE.  Estava escondido em um quintal de uma casa no bairro Dondona Soares".

"Agora posso falar o que realmente aconteceu porque ele próprio falou aqui, inclusive para a imprensa.  Agora cabe a polícia civil tomar as providências cabíveis".

Nenhum comentário:

Postar um comentário